Parque Ecológico do Janga loteado 1


Invasão da área de 300 hectares, que é preservada por lei estadual, já tem mais de 5 mil posseiros

A esperança de um lugar para morar em um espaço supostamente desocupado e sem dono levou cerca de 500 famílias a ocuparem o Parque Ecológico do Janga. A área de 300 hectares, preservada por lei estadual desde 1987, fica em Paulista, Região Metropolitana do Recife (RMR). A invasão às terras que pertenciam à Companhia Paulista de Tecidos, empresa da família Lundgren, antes de serem leiloadas, foi iniciada discretamente em 2010. Desde então, a ocupação vem crescendo. Ganhou nome: Vale da Paz. As cercas e pequenas construções avançam. E a mata, que deveria ser protegida, está sendo destruída, dando origem ao loteamento irregular com mais de 5 mil terrenos demarcados.

No parque também estão as ruínas da Igreja de Nossa Senhora dos Prazeres – construção do Século 17, feita pelos portugueses em comemoração à expulsão dos holandeses de Pernambuco – também protegida por lei estadual, de 1983. Segundo a Companhia de Meio Ambiente da Polícia Militar ( Cipoma), galhos de árvores centenárias estão sendo usados como estacas para separar os lotes, o que configura crime ambiental.

“A gente chegou no Carnaval de 2010. A terra estava abandonada. Não desmatamos não. Inclusive participamos de uma reunião em agosto do ano passado com o

Ministério Público e a Prefeitura de Paulista, quando foi negociada a regularização com o governo”, disse o presidente do Centro Social Nova Geração (Cenogeração), associação criada para cuidar dos interesses da comunidade Cenogeração, Alberto Irapuã.

A Prefeitura de Paulista confirma a reunião com os moradores. O secretário de Planejamento e Meio Ambiente, Alcides Leitão, disse que na ocasião foi explicado às famílias que tratava-se de área de preservação e iniciada a negociação para a retirada. “Nos disponibilizamos a cadastrar todos e mediar junto à Caixa Econômica a construção de moradias em outra área, desde que a ocupação não fosse ampliada. Mas eles não mandaram o cadastramento. O acordo não foi cumprido”, explicou.

Fonte: Diario de Pernambuco


Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

um comentário em “Parque Ecológico do Janga loteado

  • vicente vieira

    BOA NOITE… OLHA NÃO QUEREMOS APAGAR A HISTÓRIA, POIS A MELHOR PARTE DA HISTÓRIA E MAIS ESPECIAL SÃO AS PESSOAS, POIS EU CONTINUO INDIGNADO COM AS REAÇÕES DE CERTOS INTERESSADOS PELA RETIRADA DAS FAMÍLIAS QUE DESDE QUE OUVE A COLOCAÇÃO DA CAIXA EC. FEDERAL NO MEIO AI PARA MIM FICA MAIS CLARO OS INTERESSES QUE ESTÃO POR TRAZ DESTA RETIRADA, E MINHA IDIGNAÇÃO SE FORTIFICA MAIS AINDA QUANDO VEM ME FALAR DE PRESERVAÇÃO, ORA LÁ… QUE PRESERVAÇÃO??? PEDAÇOS DE PAREDES CAIDAS QUE NÃO UMA MARCA SE QUER DE PRESERVADA, PRESERVADA SE HOVESSE UM PROJETO DA ÁREA PELO MENOS PRÓXIMO AOS PEDAÇOS DE PAREDE CAÍDA LIMPA UMA ÁRA DE FÁCIL ACESSO PARA VISITA, QUEREM VER UMA IDEIA QUE JÁ FALEI??? ME DÊ ESPAÇO E VOCÊS VÃO VER O QUE É UM BAIRRO DE PESSOAS HUMILDES E QUE REALMENTE PRESERVAM A HISTÓRIA, MAS OS BARONESES QUEREM TOMAR CONTA DE TUDO E VEM MUITAS BARGANHA PR TRAZ DISSO , PRESRVAÇÃO??? PRESRVEM AS PESSOAS E IMPLANTEM PROJETOS EU SOU IGUAL AO OSCAR NIEMAYER TENHO PROJETOS FANTÁSTICOS EU DESAFIO OS SENHORES PRA ME DAREM UMA OPORTUNIDADE E VOCÊS FICARÃO DE QUEIXO CAÍDOS EM VER QUE UMA PESSOA COMUM TEM COISAS BOAS MAS COMO NÃO SOU CONHECIDO E NEM PARTICIPO DA BURGUESIA NÉ??? VAMOS LÁ ACEITEM MEUS DESAFIOS E VAMOS TORNAR PÚBLICA AS MINHAS IDÉIAS E VOCÊS VÃO VER QUAL É O VERDADEIRO SINÔNIMO DE PRESERVAÇÃO E AMBIENTALISMO, COM UM FORTE PROJETO TURISTICO E SUSTENTAVEL, VOCÊS PENSAM QUE SOMOS IDIOTAS É ??? VAMOS COLOQUEM MINHAS IDÉIAS EM PÚBLICO ACEITEM OS MEUS DESAFIOS , PASSEM BEM.